Publicado em Filmes e Séries, Sobre o Amor

“A gente aceita o amor que acha que merece”

YouDeserveBetter1-3890A frase que dá título à minha postagem de hoje faz parte do livro “As vantagens de ser invisível”.

Ao contrário do que pode parecer, eu não li esse livro, nem sequer cheguei a começar e por isso não sei exatamente em que contexto essa frase aparece no romance. O que de fato eu sei é que ela faz todo o sentido do mundo!

Eu me deparei com essa frase por acaso no facebook ano passado e ela mexeu muito comigo, tanto que ela ficou meses na minha cabeça até hoje quando resolvi procurar saber a quem ela pertence e logo em seguida escrever minhas impressões sobre ela.

De fato, cada um aceita o amor que acha que merece e isso pode representar algo bom ou ruim na sua vida, vai depender somente da sua autoestima.

Eu, que sou dona de uma autoestima instável, frequentemente caio na bobagem de achar que não mereço nada da vida. Assim sendo, tudo que chega às minhas mãos eu recebo com tanto entusiasmo e me apego tanto que vocês podem imaginar que na maior parte das vezes isso não acaba bem.

Se apegar demais, correr atrás de pessoas que não fazem questão de você, implorar por atenção, considerar o máximo na sua vida alguém que mal te considera como amigo são um pequeno exemplo da tragédia existencial que ocorre quando você não se ama o suficiente.

Por não se amar o suficiente você passa a acreditar que ninguém vai te amar também e com isso qualquer mínimo gesto de atenção ou coraçãozinho no bate-papo se torna motivo de enorme comoção. Digo comoção porque isto está longe de ser amor. Acreditamos que estamos amando aquela pessoa porque sentimentos uma possível chance de reciprocidade, então fazemos a nossa mente crer que estamos amando e sendo amados de volta… Pura ilusão!

Enquanto ficarmos achando que não somos bons o suficiente e não nos amarmos o suficiente vamos crer que qualquer “amor” para nós está bom. Ficaremos nos contentando com migalhas de atenção, migalhas de afeto, migalhas de tudo!

Por achar que não vai conseguir ninguém melhor (ou amor melhor) muitas pessoas ficam “presas” em relacionamentos desgastantes por meses e até anos. Pessoas que acham que aquilo é o máximo que podem conseguir…

Por outro lado, se nos amarmos, se formos capazes de enxergar nossas qualidades e nosso valor, não ficaremos sujeitos a situações humilhantes em nenhum tipo de relacionamento. Seremos capazes de compreender que o amor que merecemos tem que ser um amor mesmo e não qualquer palavrinha doce. Veremos que o amor que merecemos é o mesmo que estamos dispostos a dar, é aquele que lá no fundo temos guardado a vida toda para alguém que também o mereça de fato.

Autor:

Thaís tem 25 anos, é formada em Letras pela UFF e recentemente concluiu o mestrado em Literatura Brasileira. Adora dar aula e sempre que dá leva alguma música. A Thaís acha o Machado de Assis o escritor mais genial e totalmente incrível de todos os tempos e na música não há outro como John Mayer. Ela sabe fazer um brigadeiro muito bom, mas garante que escrever é o que de fato ela sabe fazer de melhor nessa vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s