Publicado em Sobre Música

Ter uma banda

Ter uma banda é um desejo comum a muitos daqueles que se apaixonam pela música. É um sonho que geralmente surge na adolescência, na época da escola, e talvez por isso a ideia de ter uma banda ainda é considerada por muitos como uma coisa infantil. Tanto é que, quando alguém te pergunta o que é que você faz da vida, se você responde “Ah, eu toco numa banda”, é provável que a pessoa faça perguntas do tipo “Mas você não trabalha? Você SÓ toca nessa banda aí e pronto? Não faz mais nada da vida não?”. É triste, mas é uma realidade!

O mais curioso é esse ar com que muitos falam, como se ter uma banda fosse algo simples, tipo: cada um pega seu instrumento e toca enquanto um lá canta e beleza. Mas ter uma banda é um desafio. Ou melhor, são vários. Primeiro tem o desafio de montar a banda, achar pelo menos mais duas pessoas com quem você tenha o mínimo de afinidade e compatibilidade musical. O outro desafio é que uma dessas duas pessoas tem que saber tocar bateria! Eu me atrevo a dizer que encontrar o baterista é um desafio nível master! Acho que pra cada 500 garotos que se interessam por tocar violão (que é só um pulo pra guitarra e baixo) tem 50 que decidem aprender bateria.

Mas OK, tendo pelo menos um que cante e toque guitarra, um pra tocar baixo e outro na bateria aí está a banda! \o/

Porém… isso ainda é só a ponta do iceberg. Vocês ainda precisam arrumar lugar pra ensaiar e depois de muito ensaio lugar pra tocar. Geralmente começa na escola, parte pra eventos locais ainda pequenos e depois de um tempo um barzinho aqui, outro ali até que vocês percebem que não querem mais viver só de cover! Vocês querem o seu som, com a sua cara! Vocês querem as pessoas cantarolando a música de vocês pelas ruas! E é aí que ele entra: o poeta da banda!

Às vezes acontece de o poeta da banda nem deixar o resto do pessoal saber que ele é poeta. Só resolve mesmo mostrar o que escreve porque afinal vocês querem uma música e ele já tem alguns rascunhos “Não é nada demais”, ele diz. E depois de muito rabiscar e apagar, tentar nesse tom, tentar um tom abaixo, colocar mais esse arranjo, encaixar um solo ali e… eis que fica pronto o primeiro single!

Hoje em dia com a internet ainda é mais fácil de divulgar seja lá o quê que você decida divulgar. Então depois de passar uns meses ensaiando muito e juntando dinheiro, lá vão vocês pro estúdio gravar o single pra então divulgar em todo grupo, toda página, todo espaço possível e imaginável aquela querida primeira música, o filhinho de vocês.

Até aí muita coisa boa já aconteceu, mais gente já conhece a banda, vocês já foram chamados pra fazer shows maiores, mas… dinheiro que é bom continua brabo!

Ter uma banda é muito mais paixão do que qualquer outra coisa! Se você não continuar sendo aquele guri apaixonado por música lá da tua adolescência, você não vai superar os vários ensaios desmarcados porque não havia dia no calendário em que todos pudessem ir; não vai aguentar o desdém com que outras bandas vão olhar pra vocês ‘meros iniciantes’ e muito menos passar por cima daquela experiência horrível do show em que deu tudo errado.

Porque, na verdade, até as coisas começarem a dar certo mesmo, até vir o reconhecimento do trabalho e do talento, é um caminho longo pra maioria dos artistas. É por isso que ter uma banda é sonho de muitos,  mas manter e seguir com uma banda acaba sendo realidade só de alguns porque não são todos os que conseguem abrir mão às vezes até da própria vontade e individualidade pra ver a coisa funcionar.

Mas, se vale a pena? Sim, com certeza! Não há nesse mundo sonho que seja feito com paixão que não valha a pena. ❤

Autor:

Thaís tem 25 anos, é formada em Letras pela UFF e recentemente concluiu o mestrado em Literatura Brasileira. Adora dar aula e sempre que dá leva alguma música. A Thaís acha o Machado de Assis o escritor mais genial e totalmente incrível de todos os tempos e na música não há outro como John Mayer. Ela sabe fazer um brigadeiro muito bom, mas garante que escrever é o que de fato ela sabe fazer de melhor nessa vida.

4 comentários em “Ter uma banda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s